A JUSTIÇA DE DEUS CHEGA

FOTO: Eduardo Pinto
“Se o diabo me roubava trezentos reais todo mês, quem era eu para achar cem reais uma quantia alta?”
Um processo de quatro anos foi o caminho que Deus encontrou para abençoar Maria Cristina Garcia, de 64 anos. “O banco realizou uma cobrança indevida em minhas contas e eu acabei por abrir um processo contra ele na justiça que, depois de anos, o advogado desistiu do caso, tamanha complicação. Eu perdia em torno de trezentos reais da conta todo mês e buscava recursos de várias formas, todos sem chegar a lugar algum. Era uma causa perdida”, explica.
Foi com o propósito do Peixinho que Maria encontrou resposta da parte de Deus. “Eu apliquei a minha fé em Jesus e, quando o Apóstolo Valdemiro Santiago lançou o propósito do peixinho, da Campanha da Pesca Milagrosa, eu decidi participar e pagar cem reais nele, pois concluí que Deus não me deixaria perder e me ajudaria a ter condições. Se o diabo me roubava trezentos reais todo mês, quem era eu para achar cem reais uma quantia alta?”
O resultado para a fé e para a ação de Maria veio na vitória repentina pela causa. “Deus entrou com providência na minha causa e, um belo dia, recebi um telefonema do banco dizendo que o valor que eu receberia pelo processo estava na minha conta. Corri para o fórum, verifiquei e vi que eu ganhei a causa na justiça. Passei no banco e havia vinte e quatro mil reais disponíveis e a cobrança indevida cessou. Ali mesmo eu comecei a glorificar a Deus, pois o banco devolveu todo o valor. Sou muito grata ao Senhor”.

Matéria de: Victor Correa


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Meditação do dia:Toda a ferramenta preparada contra ti não prosperará, e toda a língua que se levantar contra ti em juízo tu a condenarás

Cantor gospel Kleber Lucas canta em festa de candomblé e incomoda evangélicos

Em áudio vazado pelo ex, cantora gospel implora por maconha: 'Morra!'